Roberto Cidade preside Audiência Pública que vai debater com DNIT recuperação de pontes na BR-319

Amazonas – Depois de reiterados convites para que o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) no Amazonas, Luciano Moreira de Souza Filho, prestasse esclarecimentos aos deputados estaduais quanto à recuperação das pontes que colapsaram sobre os rios Autaz Mirim e Curuçá, na BR-319, o representante do órgão confirmou que participará da audiência pública a ser realizada na próxima terça-feira, 13/6, às 11h45, no plenário Ruy Araújo, da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam). A Audiência será comandada pelo presidente da Casa, deputado estadual Roberto Cidade (UB). “Após diversos convites, o superintendente do DNIT no Amazonas, Luciano Moreira, confirmou que participará de uma audiência pública, no próximo dia 13, na Aleam. Todos os 24 deputados estaduais estão em busca de esclarecimentos quanto aos prazos para conclusão das obras das pontes. Recebemos reclamações de moradores, comitivas de vereadores e produtores dos municípios diretamente atingidos e isso é uma questão que incomoda a todos nós. Já estamos na metade do ano e até o momento nada de concreto foi apresentado para resolver esse problema que tem causado muitos transtornos”. Os desabamentos das pontes estão prejudicando diretamente os moradores dos municípios de Autazes, Careiro Castanho, Careiro da Várzea, Nova Olinda do Norte e Manaquiri. Conforme os representantes desses municípios, em 30 dias, pelo menos 120 mil pessoas circulam pela BR-319. O DNIT é o órgão responsável pela manutenção das rodovias federais em todo o país e, ainda no ano passado, assinou contrato no valor de R$ 24.855.138,97, com dispensa de licitação, para a realização dos serviços para construção da ponte sobre o rio Curuçá. O contrato prevê a demolição das estruturas, remoção do entulho e construção de novas obras. No entanto, não há clareza quanto ao cronograma das atividades previstas. Pontes colapsaram A ponte sobre o rio Curuçá, localizada no quilômetro 23, da BR-319, no município do Careiro da Várzea, desabou no dia 28 de setembro de 2022, deixando quatro mortos e outras 14 pessoas feridas. Logo depois, no dia 8 de outubro, a ponte Rio Autaz Mirim, no quilômetro 25, também cedeu, mas sem feridos.

Fonte: Portal Cm7

Outras notícias