Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Réu não comparece ao próprio julgamento e é condenado a 23 anos por tentar matar irmã no AM

Um homem não compareceu ao próprio julgamento e foi condenado a 23 anos de prisão por tentar matar irmã, em Manaus. O crime aconteceu em julho de 2019, no bairro Armando Mendes, Zona Leste de Manaus. Segundo a denúncia, a vítima recebeu três facadas na altura do peito e ficou dez dias internada em uma unidade de terapia intensiva (UTI).

O homem respondia ao processo em liberdade e, apesar de ter sido citado, não compareceu ao fórum para o julgamento, na quarta-feira. Na sentença, o juiz de Direito titular da 3.ª

Vara do Tribunal do Júri decretou a prisão dele e determinou que os oficiais de justiça, acompanhados de policiais militares, fossem até a residência do réu e o conduzissem à prisão.

Cumprido o mandado, ele foi encaminhado ao 1.º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi apresentado para as providências cabíveis.

O julgamento da tentativa de feminicídio na Ação Penal n.º 0634975 -47.2019.8.04.0001, foi realizado no Fórum Ministro Henoch Reis. O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE/AM) esteve representado pela promotora de justiça Lilian Nara Pinheiro de Almeida. O réu teve em sua defesa o defensor público Oswaldo Machado Neto.

Outras notícias