Apesar das dificuldades, a maioria das embarcações navega com o uso de GPS.

Fumaça do Amazonas causa problemas de navegação: relatos de pessoas perdidas, afirma piloto de embarcação

Desde a última quarta-feira (11), as cidades do Amazonas estão enfrentando um grande problema: a fumaça que cobre a região devido às queimadas. Nesta sexta-feira (13), a situação se agravou ainda mais para os viajantes que precisam utilizar barcos como meio de transporte, já que a visibilidade ficou prejudicada e os pilotos tiveram que redobrar a atenção, principalmente na região do Porto da Ceasa, em Manaus.

Um dos pilotos de embarcação, Ney Sampaio, relata que essa tem sido uma tarefa cada vez mais difícil, já que a região também atravessa um período de seca severa. De acordo com ele, a quinta-feira (12) foi o dia mais complicado para fazer as viagens, pois a visibilidade estava bastante comprometida. Apesar das adversidades, a maioria das embarcações conta com o uso de GPS para se guiar.

“Infelizmente, algumas pessoas acabaram se perdendo durante a travessia, principalmente as embarcações menores que não possuem GPS. Elas tiveram que aguardar até o amanhecer para conseguirem retornar ao ponto de partida. A noite tem sido muito desafiadora”, relatou Sampaio.

Outras notícias